Script de estatística do portal - depende da habilitação de javascript.

Ministério da Saude SUS Governo Federal

O Ministério da Saúde é o órgão do Poder Executivo Federal responsável pela organização e elaboração de planos e políticas públicas voltados para a promoção, prevenção e assistência à saúde dos brasileiros.

Bloco G - Esplanada dos Ministérios, Brasília - DF 70058-900 Telefone:(61) 3315-2425 | Disque 136 Ouvidoria Geral do SUS Horas: quinta-feira 08:00 – 18:00

Portal da Saúde

Data de Cadastro: 27/09/2017 as 15:09:22 alterado em 27/09/2017 as 15:09:22

Conferência Livre de Vigilância em Saúde está inserida na programação do evento

Acontece nos dias 26 e 27 de setembro no município de Santa Fé do Sul (SP) a ‘Oficina Macrorregional de Políticas de Equidade do SUS para o Povo Rom [conhecidos como ciganos]’ e a ‘Conferência Livre de Vigilância em Saúde para o Povo Rom’. Ambas as atividades são uma parceria entre o Departamento de Apoio à Gestão Participativa e ao Controle Social da Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa do Ministério da Saúde (DAGEP/SGEP/MS) e a Associação Internacional Maylê Sara Kalí (AMSK).

A Diretora Substituta do DAGEP, Wanessa Une, destaca a importância desse evento em reunir gestores, profissionais de saúde e sociedade para abordar as individualidades de saúde do Povo Rom. “A realização deste evento é de suma importância, é um exercício de cidadania. Estamos promovendo o diálogo com a sociedade civil, no intuito de ouvi-los e formular ações efetivas conjuntas para a melhoria da saúde dessa população”, afirma.

A ‘Oficina Macrorregional de Políticas de Equidade do SUS para o Povo Rom’ tem os seguintes objetivos: verificar com a comunidade local questões relacionadas a agravos prevalentes no território, cuidado e tratamento para a construção de um sistema de contagem e controle dos mesmos; aplicar o Inquérito de Saúde nos diversos grupos e subgrupos, a fim de verificar as necessidades e os determinantes sociais; valorar e verificar os métodos tradicionais de cuidado à saúde do Povo Rom; reunir líderes de grupos (homens e mulheres) ou braços familiares a fim de averiguar e quantificar informações sobre nascimentos e mortes; e qualificar o estudo antropológico e a pesquisa do território realizado pela mestra e doutoranda Jamily Cunha da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

A Conferência Livre de Vigilância em Saúde para o Povo Rom será realizada nos dias da Oficina e tem como objetivo discutir e construir propostas sobre as especificidades da saúde do Povo Rom. Como produto final, será construída uma carta de proposições, acordos e compromissos de ações futuras para a comissão organizadora da 1ª Conferência Nacional de Vigilância em Saúde (1ª CNVS), que será sediada em Brasília, no período de 28 de novembro a 1º de dezembro de 2017 e terá como tema central “Vigilância em Saúde: Direito, Conquista e Defesa de um SUS Público de Qualidade”.

Foram convidados para participar das atividades a Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS/MS), o Ministério Público Federal (MPF), 6ª Câmara de Coordenação e Revisão do MPF, a Defensoria Pública da União, Defensoria Pública Estadual, Prefeitura do Estado de São Paulo, assistentes sociais e profissionais de saúde do município e sociedade civil.

Por Caroline Oliveira

Fotos: DAGEP/SGEP/MS

Saúde baseada em evidências
Disque Saúde - Ouvidoria Geral do SUS
Ministério da Saúde - Governo Federal - Brasil