Script de estatística do portal - depende da habilitação de javascript.

Ministério da Saude SUS Governo Federal

O Ministério da Saúde é o órgão do Poder Executivo Federal responsável pela organização e elaboração de planos e políticas públicas voltados para a promoção, prevenção e assistência à saúde dos brasileiros.

Bloco G - Esplanada dos Ministérios, Brasília - DF 70058-900 Telefone:(61) 3315-2425 | Disque 136 Ouvidoria Geral do SUS Horas: quinta-feira 08:00 – 18:00

Portal da Saúde

Data de Cadastro: 17/02/2017 as 15:02:31 alterado em 17/02/2017 as 15:02:31

Minas Gerais, Espírito Santo e São Paulo confirmaram casos da doença. No total, 12,7 milhões de doses extras foram enviadas para os estados com registros de casos, além de outros localizados na divisa com áreas que tenham casos notificados

O Ministério da Saúde atualizou as informações repassadas pelas secretarias estaduais de saúde sobre a situação da febre amarela no país. Até esta sexta-feira (17), foram confirmados 263 casos da doença. Ao todo, foram notificados 1.258 casos suspeitos, sendo que 882 permanecem em investigação e 113 foram descartados. Dos 200 óbitos notificados, 89 foram confirmados, 108 ainda são investigados e 3 foram descartados. Os estados de Minas Gerais, Espírito Santo, São Paulo, Bahia, Tocantins e Rio Grande do Norte continuam com casos em investigação e/ou confirmados.

Confira também:

Ministério da Saúde libera R$ 7,4 mi para assistência à população de MG

Página reúne informações sobre Febre Amarela

Desde o início deste ano, o Ministério da Saúde tem enviado doses extras da vacina contra a febre amarela aos estados que estão registrando casos suspeitos da doença, além de outros localizados na divisa com áreas que tenham notificado casos. No total, 12,7 milhões de doses extras foram enviadas para cinco estados: Minas Gerais (5,5 milhões), São Paulo (2,75 milhões), Espírito Santo (2,5 milhões), Rio de Janeiro (1,05 milhão) e Bahia (900 mil). O quantitativo é um adicional às doses de rotina do Calendário Nacional de Vacinação, enviadas mensalmente aos estados.

Distribuição dos casos de febre amarela notificados até 17 de fevereiro, às 13h:

UF

Notificados

Em investigação

Confirmados

Descartados

Municípios

MG1

1.032

748

225

59

80

ES

163

111

34

18

30

SP

16

6

4

6

14

BA

15

8

0

7

8

TO

6

3

0

3

4

RN

1

1

0

0

1

UF do LPI em investigação2

5

5

0

0

-

Descartados por outras UF3

20

-

-

20

-

Total

1.258

882

263

113

137


1
Incluídos casos notificados pelas SES BA, ES, GO, SP, SC, PI, RJ e DF com LPI em MG.

2 Incluídos casos notificados pelas SES PI, SC, AL e DF com LPI em Investigação.

3 Incluídos casos descartados pelas SES GO, MS, AM, PA e DF.

 


Distribuição dos óbitos de febre amarela notificados até 17 de fevereiro, às 13h:

UF

Notificados

Em investigação

Confirmados

Descartados

Municípios

MG1

172

95

77

0

45

ES

19

9

9

1

10

SP

4

1

3

0

4

BA

1

1

0

0

1

TO

1

1

0

0

1

RN

1

1

0

0

1

Descartados  por outras UF2

2

-

-

2

-

Total

200

108

89

3

62


1 Incluídos óbitos notificados pelas SES da BA, SP, ES e DF com Local Provável de Infecção em Minas Gerais.

2 Incluídos óbitos descartados pelas SES GO e DF.

VACINAÇÃO – A vacinação de rotina é ofertada em 19 estados do país com recomendação para imunização. Também precisam se vacinar, neste momento, pessoas que vão viajar ou vivem nas regiões que estão registrando casos da doença: leste de Minas Gerais, oeste do Espírito Santo, noroeste do Rio de Janeiro, oeste da Bahia e algumas cidades de São Paulo. Não há necessidade de corrida aos postos de saúde, já que há doses suficientes para atender as regiões com recomendação de vacinação.

Mapa das áreas com recomendação de vacinação neste momento:


Atendimento à imprensa
(61) 3315.3580

Saúde baseada em evidências
Disque Saúde - Ouvidoria Geral do SUS
Ministério da Saúde - Governo Federal - Brasil